ENSCER

Login
Entrar em Contato
Ver Meus Contatos

Artigos EINA - Deficiência Estrutural

Leucomalácia Periventricular

A Leucomalácia Periventricular é uma necrose multifocal da substância branca, que atinge até o ângulo externo do ventrículo lateral, considerada uma zona de fronteira de vascularização. É uma importante causa de paralisia cerebral e deficiência mental. A causa de leucomalácia é uma hipóxia que tende a provocar lesões mais generalizadas nos fetos mais novos e localizadas em fetos mais velhos. Essa hipóxia parece decorrer das altas demandas provocadas pela proliferação da glia e uma imaturidade vascular.

As lesões mais focais podem afetar diversas atividades cognitivas dependendo de sua intensidade e distribuição. As lesões mais amplas podem atingir todo um hemisfério. Nesse caso, podem causar um retardo na aquisição da linguagem, se atingirem o hemisfério esquerdo. Entretanto, a plasticidade neural pode realocar essa função para o hemisfério direito. A criança pode, portanto, exibir um atraso importante na aquisição da linguagem, mas com o tempo poderá ser inclusive alfabetizada. Outra atividade cognitiva que pode ser comprometida no caso de lesões amplas é a aritmética. Mas, novamente, a plasticidade neural poderá permitir um realocamento de funções e uma aquisição quase normal do cálculo aritmético.

Links Relacionados

1. Dislexia

2. Apae - Jundiaí

3. Ressonância Magnética

4. Inteligência

:: ENSCER - Ensinando o Cérebro :: 2018 ::